Dia da Matemática homenageia Malba Tahan

No dia 5 de maio de 2004, um dia antes da data de nascimento de Malba Tahan, foi apresentado à Câmara Federal, pela professora e deputada Raquel Teixeira, o Projeto de Lei 3482/2004 do Dia Nacional da Matemática, sendo aprovado, em sessão deliberativa, dez anos depois, em 5 de junho de 2013.

Raquel Teixeira acolheu o pedido de muitos professores, inspirando-se certamente nos projetos aprovados do Dia da Matemática, Municipal e Estadual, no Rio de Janeiro e em São Paulo, respectivamente, e no texto do professor Sergio Lorenzato publicado na Revista da Sociedade de Educação Matemática – SBEM, na época dirigida pela professora Estela Kauffman, antiga aluna de Malba Tahan.

Desde 1995, ano do centenário de nascimento do professor Mello e Souza (1895-1974), muitos esforços foram empreendidos por professores de Matemática para a criação da data comemorativa. Em 2012, um ano antes da promulgação final do projeto de lei, o professor Antonio José Lopes apresentou em Boletim Especial da SBEM argumentos em defesa do Dia Nacional da Matemática, reforçando ainda mais a expectativa de todos. O dia 6 de maio homenageia o nascimento do matemático, educador e escritor brasileiro, Julio Cesar de Mello e Souza – Malba Tahan.

Veja mais:

Conheça o projeto de Lei 3482/2004 na íntegra

Projeto de Lei 3482/2004 – Redação Final

“A verdadeira história do Dia Nacional da Matemática” pelo Prof. Antônio José Lopes

Boletim Especial sobre o Dia Nacional da Matemática, SBEM, 06/2012

Artigo “Dia Nacional da Matemática” pelo Prof. Ubiratan D´Ambrósio

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *